06/12/2017

Aconteceu no dia 27 de novembro de 2017, na sede do SEBRAE - BH, a entrega do certificado SIMPLIFICA MINAS para 164 Municípios mineiros e contou com a presença de 400 pessoas, onde seus representantes oficiais receberam o certificado das autoridades: Anderson Cabido – Diretor técnico do SEBRAE- MG; Bruno Quick Sebrae nacional representando Afif Domingues – Presidente Nacional do SEBRAE. José Donaldo Bitencourt Júnior – Presidente da JUCEMG (Junta Comercial do Estado de Minas Gerais); Deputado Estadual João Bosco PT do B – Representante da Frente Parlamentar da Micro e Pequena Empresa da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG). Nivea Maria de Oliveira – Prefeita de Itacarambi representando todos os municípios presente. José Ricardo – Diretor secretário de políticas públicas da micro e pequena empresa. Coronel do Batalhão do Corpo de Bombeiros do Estado de MG Marcus José Tibúrcio Lima – Diretor de Atividades Técnicas.

Participaram também membros da Receita Federal do Brasil (RFB), e a palestrante Julia da consultoria Endeavor que, na oportunidade, fez o lançamento do Índice de Cidades Empreendedoras em 2017. De um total de 32 municípios apontados na sondagem, dois são mineiros - Belo Horizonte e Uberlândia.

Foram convidados para o evento o Exmo Sr Prefeito Fued Dib, a Secretária de Desenvolvimento Econômico e Turismo – Darlene Moura e o Agente de Desenvolvimento do Município de Ituiutaba – Elton Angelo.

Representando oficialmente o prefeito Fued Dib a Secretária recebeu o certificado e comentou: “Para nosso município é uma honra ter oficializada a Sala Mineira do Empreendedor porque o seu objetivo é tornar os pequenos negócios mais competitivos e efetivos em prol do desenvolvimento econômico, pois afinal as causas aproximam e os propósitos unem. E esta é uma forma de estender o tapete para os empreendedores que são fruto do trabalho, aproveitam oportunidades, criam e prosperam negócios gerando e distribuindo renda tendo como base seu município.”

“Com muita responsabilidade e determinação Elton Angelo assume a desafiadora função de agente de desenvolvimento e conta com o apoio incondicional de todas as Secretarias que fazem parte da atual gestão, assim como entidades de classe, comunidade educacional e instituições constituídas no Município, Estado e União com objetivo de transpor barreiras que limitam o desenvolvimento econômico. Criando assim condições de articular e proporcionar oportunidade a novos negócios e investimentos aos empreendedores de forma prática, simples e rápida. Aconteceu após a entrega do certificado, o Seminário Simplifica Minas onde os diversos palestrantes discorreram sobre ações pontuais referente a nova forma de se constituir empresas como EPP  e MEI que são responsáveis por 60% da geração de empregos no país. A crise só será superada com trabalho, e investir não é algo trivial, é risco e coloca o patrimônio do investidor em jogo. 

O advento da Sala Mineira do Empreendedor facilita, e muito, a vida dos empreendedores. Com ela, o tempo médio gasto para abertura de uma empresa em Minas é de sete dias. Anteriormente o prazo médio era de até 60 dias. Entre os serviços disponibilizados estão desde as orientações sobre processo de registro empresarial, licenciamento ambiental, cadastro de fornecedor da Prefeitura, mapas de oportunidades. Também constam na relação das oportunidades a serem trabalhadas a distribuição de material informativo, consulta de viabilidade, integração Redesimples e Minas Fácil, protocolo de licenciamento municipal, emissão de certificado de Microempreendedor Individual, declaração do Simples Nacional e capacitações.

 

 

Fonte: ASCOM

Voltar